Leia nossos

conteúdos

  • Gestão e Negócios
  • 3,51 min

Sicredi Norte SC inova com Projeto Zero Papel

O projeto Zero Papel, implantado na Sicredi Norte SC, tem como propósito eliminar a necessidade da utilização de papel, melhorando a experiência dos associados e colaboradores, fazendo da cooperativa uma referência em sustentabilidade alinhada aos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) propostos pela Organização das Nações Unidas (ONU).

Em pouco mais de um ano e meio de projeto, foram assinados de forma eletrônica/digital mais de 110 mil documentos, o que seria o equivalente a, aproximadamente, 440 mil páginas impressas. Também foram digitalizados e retirados mais de 2.225 milhões de páginas dos acervos das agências, conforme as regras de segurança do Banco Central do Brasil, que possibilitaram o correto expurgo e até reciclagem e reutilização do papel nas comunidades. “Fizemos a doação das pastas utilizadas para guarda destes arquivos em nossas agências. Foram mais de 20 mil pastas de arquivo para reciclagem, beneficiando a comunidade local que faz um excelente trabalho no descarte e reuso consciente desse material reciclado”, explica Alain Cassiano Rodrigues de Oliveira, gerente de Inovação e Transformação. Ele explica que os esforços da Cooperativa já pouparam a vida de mais de 64 árvores que seriam utilizadas para fabricação de papel nesse período. “Esperamos, que até 2030, possamos poupar a vida de mais de 300 árvores”, prevê.

Perenidade e Sustentabilidade
“O projeto Zero Papel reforça o compromisso da Sicredi Norte SC de promover a prosperidade da sociedade, com sustentabilidade, uso consciente dos nossos recursos e do cuidado constante no nosso dia a dia com o impacto que podemos causar no meio ambiente”, ressalta Oliveira. Para o gestor, é um grande privilégio ter a oportunidade de, além dos impactos sustentáveis e sociais gerados, melhorar significativamente a experiência dos associados e colaboradores nos processos da cooperativa, garantindo velocidade, segurança e eficácia com as tecnologias implantadas. “Temos um orgulho muito grande do Zero Papel e ele só está no começo! Esperamos que o exemplo dos seus resultados e do nosso propósito movimentem cada vez mais cooperativas, associados e a sociedade para o mesmo caminho: de promover a prosperidade, com perenidade e sustentabilidade”, destaca.

Digitalização de Documentos
“O acúmulo de papel é um problema frequente no mundo todo, aqui na cooperativa não foi diferente, muitos negócios produzindo muitos papeis. Com isso identificamos a necessidade de tratar com essa situação. E foi então que iniciamos o projeto Zero papel”, relata Gabriele Viana do Nascimento, assistente de Processos e Qualidade. Uma das principais frentes do projeto, segundo Gabriele, foi a retirada e digitalização de todos os arquivos das agências, liberando espaço para os associados e colaboradores e a substituindo a impressão de documentos pela assinatura eletrônica. “A medida trouxe mais conforto e agilidade aos nossos colaboradores e associados, podendo assinar os documentos de forma remota e tendo a experiência de assinar na agência através do tablet. O Zero Papel como um todo trouxe mais agilidade no processo, segurança nas operações e inovação aos nossos associados. Hoje a busca dos documentos também é feita de forma rápida e ágil pois todos os documentos podem ser consultados em nuvem”, assinala. Gabriele lembra que tudo foi possível graças ao apoio de todos os colaboradores e associados, que entenderam o propósito do projeto: eliminar a necessidade da utilização de papel, melhorando a experiência dos associados e fazer da Sicredi Norte SC uma cooperativa referência em modernidade e sustentabilidade.