Voltar 21 de Outubro de 2021
  • ExpoGestão

  • ExpoGestão 4,38 min

Os propósitos de uma empresa centenária

Um diretor financeiro assume a presidência executiva e, dois meses depois, explode a pandemia de Covid-19. E a empresa é farmacêutica. Esse desafio foi encarado por Alexandre Bornschein Silva, CEO do Catarinense Pharma desde janeiro de 2020. Ele foi convidado da ExpoGestão para uma conversa inspiradora sobre propósito, valores, legados e assuntos essenciais para a gestão, para a vida executiva e para o ambiente corporativo.

Alexandre iniciou a conversa falando de história, uma de suas paixões: “A Catarinense Pharma tem 76 anos, saiu de um grupo centenário formado pelo meu avô. Farmácias tinham produtos manipulados, mas em 1945 houve a proibição da fabricação de medicamentos dentro de estabelecimentos comerciais. Em vez de um contratempo, meu avô viu uma oportunidade e fundou o Laboratório Catarinense, adquirindo farmácias que tinham fórmulas exclusivas, como Sadol, Camomila e Melagrião. Uma curiosidade: quando ele criou a empresa, minha bisavó perguntou por que um fábrica tão longe do Centro; hoje, para quem conhece Joinville, sabe que estamos bem no Centro”.

Lições da pandemia

A eclosão da pandemia trouxe, segundo Alexandre Silva, ensinamentos para empresa e pessoais: “Assumi o bastão da empresa em janeiro de 2020, e a pandemia chegou em março. Foi um belo teste de ter que estar preparado. Eu era diretor financeiro, conhecia a realidade da empresa, seu propósito de ser fonte de saúde. Esse propósito é mais amplo do que tratar a doença”.

A Catarinense Pharma passou por uma revitalização há uns quinze anos, quando surgiu a Catarinense Nutrição, unindo produtos premium na área de suplementos alimentares a embalagens premium, feitas por outra empresa do grupo, a AB Plast. Mais história: “Precisávamos batizar a nova empresa. Um dia encontrei meu irmão Adriano no estacionamento e falei que tinha um nome. Ele também! Era Catarinense Nutrição”.

O nome Catarinense, reforça Alexandre Silva, só tem adjetivos bons. “Unimos o melhor do nosso povo ao melhor que fazemos. Se o controle de qualidade reprova um produto, ninguém tem autoridade para mantê-lo, é descartado.”

A Covid trouxe uma antecipação de demanda: “Trabalhávamos com estudos sobre envelhecimento; que tipo de idoso eu quero ser? Aos 60, ninguém se sente idoso. A suplementação para esse grupo é fundamental, para chegar bem à terceira idade, ficar com os netos e viver cada vez mais e melhor. A Covid antecipou tudo: para chegar à terceira idade, preciso passar pelo hoje. Se você não está bem, vem um mal do outro lado do mundo, te põe num respirador e pode te matar”.

O executivo reforça a diferença: “A linha é de suplementação da alimentação, não é substituição. É difícil fornecer todas as vitaminas só com os alimentos, daí a suplementação”.

Valores simples

Os Valores da Catarinense Pharma são Alegria, Humildade e Honra. O executivo explica: “Uma empresa familiar tem valores associados à família. Alegria é o prazer de vir trabalhar, estar bem, fazer um bom ambiente, alegre. Humildade é ensinar e aprender, não importa o grau de hierarquia. Honra remete ao meu avô, que fez um acordo ‘no fio de bigode’ com a rede de farmácias de Curitiba ao sair de lá. É cumprir aquilo que se fala, que se compromete, mesmo que a empresa sofra”.

Hoje o Brasil tem mais de 80 mil farmácias, e a tendência é aumentar: “A população está num estágio de envelhecimento, mas um envelhecimento mais saudável. Por isso, o mercado farmacêutico vai continuar crescendo em nível de dois dígitos”.

E conclui Alexandre Bornschein Silva: “Presidente sofre de solidão do poder. Eu era diretor financeiro e dividia informações com meu irmão, que se elegeu prefeito. Hoje tenho que marcar audiência com ele, tem mais problemas para administrar do que eu. Há momentos em que é preciso escutar todos, mas o principal executivo deve tomar uma decisão. Espero deixar, como legado, uma empresa maior do que eu recebi. Entregar a empresa do tamanho de sua reputação. Temos grandes concorrentes, até internacionais, mas o cliente final nos escolhe porque reconhece que nosso produto é o melhor. A perpetuidade de uma empresa está na liderança. No nosso caso, com qualidade indiscutível”.


Autor

ExpoGestão

Ao longo de 18 anos, a ExpoGestão se consolidou como um dos mais renomados encontros empresariais do Brasil. A ExpoGestão se converteu em uma plataforma de soluções, mantendo nosso DNA: uma curadoria primorosa, que sente as alegrias e dores do gestor brasileiro e lhe traz, sob medida, os conteúdos mais relevantes, instigantes e inspiradores – de saúde mental a transformação digital, do novo papel da liderança a cenários político-econômicos, de inovação a estratégia.


Experimente nossa plataforma. São mais de 50 vídeos para você se inspirar


Saiba Mais

Conteúdos Relacionados

Não há postages relacionadas.

Outras Postagens